Pe José Antunes

quinta, 11 outubro 2018 16:20

Programa Pastoral 2018/2019

Deixo a planificação, em anexo,  das actividades da Unidade Pastoral de São Sebastião e São Paio.

Ficamos a par do que se vai fazendo ao longo do ano nesta Unidade pastoral e para deste modo, também nós planificarmos a nossa vida para celebrarmos e vivermos a fé.

Discípulos missionários.Todos! Não há suplentes! Todos jogamos. Cada um com as suas capacidades mas para o êxito da comunidade.

Vamos em frente!

quinta, 11 outubro 2018 16:06

encontros biblicos

Nós cristãos, temos necessidade de conhecer a Bíblia. É um facto que ninguém discute. Já há uns anos que vamos fazendo uns encontros bíblicos para aprofundar o nosso conhecimento da Bíblia.  Estamos 10, 12 pessoas, quase sempre. Podemos ser mais. Mas há que desinstalar. Sair do nosso conforto para nos dirigirmos nos dias marcados para esses encontros.

Deixo aqui os dias dos encontros para marcarmos na agenda.

13 de Novembro

11 de Dezembro

8 de Janeiro

12 de Março

26 de Março

9 de Abril

14 de Maio

4 de Junho

Os encontros acontecem no Centro Paroquial de São Sebastião.

A hora é às 21h15.

Aparece! És bem vindo(a)!

Este domingo,dia 30 de Setembro , em São Sebastião,na Eucaristia das 11h30, teremos a apresentação dos(as) catequistas e festa do envio.

Momento em que conheceremos aqueles e aquelas que, na Unidade Pastoral, dão algum do seu tempo para ajudar as nossas crianças e adolescentes a conhecer a amar Jesus porque a Catequese não é uma lição. A Catequese é a comunicação de uma experiência e o testemunho de uma fé que acende corações, porque introduz o desejo de encontrar Cristo. Este anúncio de várias maneiras e com diferentes idiomas é sermpre o primeiro que o catequista é chamado a realizar.

Momento também para nos questionarmos se também alguns de nós não poderiam dar algum do seu tempo para esta missão.

 

Os nossos bispos portugueses publicaram em Maio de 2017 uma carta pastoral sobre a Catequese. É um documento muito importante para todos: catequistas, pais, educadores porque nos aponta para o fundamental da Catequese: o encontro com uma Pessoa que dá à vida um novo horizonte e, desta forma, um rumo decisivo. A evangelização da pessoa e das comunidades depende totalmente da existência ou não deste encontro com Jesus Cristo. O Papa Francisco na Exortação apostólica ”A Alegria do Evangelho” dirige-se a evangelizadores e é ainda mais interpelativo:” Convido todo o cristão, em qualquer lugar e situação que se encontre, a renovar hoje mesmo o seu encontro pessoal com Jesus Cristo ou, pelo menos, a  tomar a decisão de se deixar encontrar por Ele, de O procurar no dia a dia sem cessar”. E, no capítulo final retoma o tema, dizendo:” Não se pode perseverar numa evangelização cheia de ardor se não se está convencido, por experiência própria, de que não é a mesma coisa ter conhecido Jesus ou não o conhecer; não é a mesma coisa poder escutá-l’O ou ignorar a sua Palavra; não é a mesma coisa poder contemplá-l’O, adorá-l’O, descansar n’Ele ou não o poder fazer.(...) O verdadeiro missionário, que não deixa jamais de ser discípulo, sabe que Jesus caminha com Ele, fala com Ele, respira com Ele, trabalha com Ele. Sente Jesus vivo com ele, no meio do compromisso missionário. Se uma pessoa não O descobre presente no coração mesmo da entrega missionária, depressa perde o entusiasmo e deixa de estar seguro do que transmite, faltam-lhe força e paixão. E uma pessoa que não está convencida, entusiasmada, segura, enamorada, não convence ninguém”.

Caros pais, educadores como vai a nossa adesão a Jesus Cristo? Conhecêmo-l’O? Estamos entusiasmados por Ele? Sem julgar ninguém ( quem sou eu para fazer isso?) tenho a impressão que muitos de nós precisamos de conhecer que é Jesus Cristo para depois falarmos d’Ele aos nossos educandos.

Neste sentido, para além da catequese habitual vamos, este ano, fazer uma catequese familiar que consiste em que à “catequese” vem a família que lá em casa vive. É uma catequese inter-geracional. Será feita uma vez por mês. Em que dia?

Para isso, vamos marcar um encontro com os pais( não é para as mães só) no dia 29 de Setembro de 2018, às 18h30, na Igreja paroquial de São Sebastião.

Aí conversaremos sobre esta temática e gostaria de realçar que esta “catequese” é feita num espirito de liberdade. Quem não quiser entrar neste ritmo não é obrigado. Mas, também digo, que os tempos que vivemos requerem de nós métodos novos para responder às grandes questões que se nos colocam.

Nessa reunião darei as fichas para a inscrição das crianças que este ano entram para a catequese.

E a catequese começa na semana de 1 a 6 de Outubro.

Eucaristia de Apresentação dos(as) catequistas à comunidade e envio: dia 30 de Setembro de 2018, às 11h30, em São Sebastião.

NECESSIDADE DE CATEQUISTAS

Nunca somos demais para este serviço. Por isso aqui um apelo a quem se sinta motivado a fazer deste grupo de catequistas para que contacte comigo(tlm 965352401) ou mai l( Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

HORÁRIOS DA CATEQUESE

Estão em anexo à noticia, sabendo que para o 1º ano de catequese não temos ninguém. Marcamos o dia e esperamos que alguém se sinta chamado para este ministério

 

 

 

quinta, 06 setembro 2018 16:04

Catequese 2018/2019

Reuniões de catequistas

Conforme o previsto, na próxima 4ªfeira, dia 12 de Setembro, às 21h30, no Centro Paroquial de São Sebastião teremos a 1ªreunião de catequistas.

Connosco vai estar o Padre Marcelino Paulo Ferreira, pároco de Ferreiros, Vilaça e Sequeira que nos vai falar da experiência da Catequese familiar nas suas paróquias. É um assunto que muito nos interessa e que nós não devemos desperdiçar.

No dia 19 de Setembro, à mesma hora, vai estar connosco o Padre Sérgio Torres, pároco de São Victor, Braga,  com um grupo de colaboradores  que vai trocar connosco a experiência na sua paróquia dos cursos Alpha.

Um apelo muito forte a que ninguém falte e um "lançamento de rede" para ver se há mais pessoas disponíveis para este serviço importante da comunidade.

Até já!